Arquivo de dezembro 2008

Brasil declara águas brasileiras Santuário

dezembro 19, 2008

 

Instituto Baleia Jubarte

Foto: Instituto Baleia Jubarte

Após 21 anos da assinatura do Decreto Lei que proibe o molestamento de espécies de baleias e golfinhos, o governo brasileiro cria um Santuário de Baleias e Golfinhos nas águas brasileiras.

Esse é um passo muito importante, e reafirma a posição do governo brasileiro em defender as baleias e ser contra a caça, principalmente a realizada pelo Japão em águas internacionais.

Espero que com esse comprometimento, o Santuário de Baleias do Atlântico Sul seja também criado, na próxima reunião da Comissão Internacional da Baleia.

Mas, nada como uma boa notícia para fechar o ano, né?

Ativistas se algemam na Paulista em protesto do Greenpeace

dezembro 8, 2008

sp0812green0061

Em comemoração do aniversário de 60 anos da declaração dos direitos humanos, ativistas do Greenpeace protestaram contra a criminalização do ativismo ambiental.

Esse ano, Junichi e Toru, ativistas do Greenpeace Japaão denunciaram um esquema de venda ilegal de carne de baleias e foram presos por mais 20 dias, por defender as baleias.

Agora eles aguardam o julgamento em liberdade, enquanto a frota baleeira já partiu para caçar novamente as 1000 baleias.

Hoje em São Paulo, a sociedade civil se uniu ao Greenpeace, e se acorrentaram, simbolizando presos. Afinal, se somos todos contra a caça, deveriamos todos ir presos, como nossos ativistas.

 

CAÇAR BALEIAS É CRIME, DENUNCIAR NÃO! LIBERDADE PARA JUNICHI E TORU.

sp0812green012

Um super obrigada para todo o time que fez da atividade um sucesso… e agradecimento especial ao Beto e Marcos por se voluntariarem para esse trabalho….

Proteste junto com o Greenpeace contra a caça de baleia

dezembro 6, 2008

 

Na próxima segunda-feira, dia 8 de dezembro, a partir do meio dia, o Greenpeace estará realizando um protesto em defesa das baleias.

Na semana em que se comemora o 6O0 aniversário da Declaração dos Direitos Humanos, o Greenpeace pede ao Primeiro Ministro Aso o fim da caça das baleias, e o real julgamento da caça de baleias. Afinal, denunciar não é crime, mas caçar baleias sim.

 

Expedição Antártica do ano passado perseguiu os baleeiros e impediu a morte de mais de 100 baleias

Expedição Antártica do ano passado perseguiu os baleeiros e impediu a morte de mais de 100 baleias

Após o retorno da frota baleeira ao porto, os ativistas japoneses Junichi e Tour se infiltraram na embarcação japonesa, e descobriram o escandalo da venda ilegal de carne de baleia pelo governo japonês e seus funcionários.

Ao invés de ser investigada a denuncia feita pelo Greenpeace, nossos ativistas foram presos e estão sendo acusados de roubo.

Já ficaram mais de 20 dias na cadeia, e agora estão aguardando o julgamento.

Se você é a favor da defesa das baleias, compareça ao protesto…

Proteste com o Greenpeace em defesa das baleias 

Dois ativistas japoneses estão sendo acusados de roubar uma caixa de carne baleia para comprovar denúncias da caça ilegal naquele país. Eles podem pegar até 30 anos de prisão!  

Se você também é contra a caça de baleias, mostre sua solidariedade aos nossos ativistas e participe da manifestação do Greenpeace. 

Venha e traga seus amigos! 

Local: Av. Paulista – em frente ao Masp

Dia: 8/12 (segunda-feira)

Hora: 12hs 

Regina visita pela primeira vez a praia

dezembro 6, 2008

 

Baleia Regina visita a praia

Baleia Regina visita a praia

Depois de ser encalhada no Planalto para exigir a criação do Santuário de Baleias do Atlântico Sul, passar por outras cidades para mostrar a importância da preservação dos nossos oceanos… Chegou avez da nossa querida Baleia Regina ir visitar a praia.

O local escolhido foi o litoral norte, na praia da Sununga/Ubatuba.

dsc03482

O Greenpeace, a Sala Verde de Ubatuba e a Secretaria do Meio Ambiente, com apoio das organizações ambientalistas locais, promoveu um debate com as principais lideranças locais para falar sobre a importância da criação de áreas marinhas protegidas.

A sala estava lotada e o debate pareceu bastante interessante e construtivo para as ações futuras. A mesa estava composta pelo Greenpeace, um representante do Governo do Estado Lucila Pinsard, um representante da Assoc. de Pescadora da Praia Grande Peter Nemeth e um representando do Coletivo Ambientalista de Ubatuba, Henrique da ASSU.

 

Evento ocorreu no Colégio Tancredo - Ubatuba

Evento ocorreu no Colégio Tancredo - Ubatuba

Estamos agora acompanhando quais serão os próximos passos para que o processo permaneça participativo e que as APAsp sejam implementadas com sucesso.

Falta ainda lembrar a necessidade emergencial de incluri na proposta áreas de proteção integral para a recuperação efetiva dos recursos já em alto nível de exploração.

Um super valeu para o time que realmente fez tudo isso acontecer…. Caito, Danilera, Daniel, Ju, equipe do CEMAR e Beto Francine da Associação Cunhabebe.

É isso aí, áreas marinhas protegidas já!