Arquivo para agosto 2008

Soltaram os bichos na Paulista

agosto 14, 2008

Muito bom o vídeo….

O vídeo mostra a falta de informação da população com o recurso marinho… hahaha ninguém deu a mínima para os bichos na paulista.

Vale a pena!

Se você acha um absurdo o descaso governamental com nosso mares. Você deveria ENTRAR NA ONDA com o GREENPEACE.

Visita ao entreposto pesqueiro

agosto 13, 2008

Hoje, pela madrugada, fui com a Deborah Goldemberg visitar o entreposto pesqueiro de São Paulo. Tem peixe chegando de todos os lugares do Brasil. Incrível!!!

ceagesp

ceagesp

Tirei várias fotos e quero compartilhar com vocês.

pesca do cação

pesca do cação

camarão rosa

camarão rosa

beijos

lelê

Almirante Ibsen e Paulo Nogueira são brasileiros imortais

agosto 12, 2008
Queridos…
Fiquei sabendo hoje pelo José Truda Palazzo Jr, que um dos indicados ao prêmio Brasileiro Imortal pela região Sudeste é o Vice-Almirante Ibsen de Gusmão Câmara, co-fundador do Projeto Baleia Franca e principal lutador para acabar com a caça da baleia no Brasil lá nos anos 80. Ao longo de seus mais de 80 anos bem vividos, o Almirante inspirou duas gerações de brasileiros a não esquecerm da conservação marinha. Seria tedioso listar as lutas e realizações desse homem extraodinário, mas uma breve busca no Google pelo nome dele dá uma pequena idéia. Peço que acreditem em mim e votem no Almirante Ibsen para Brasileiro Imortal. Além disso, ele jpa aceitou nosso convite, e já é parte integrante do vídeo de oceanos e tb da nossa mesa redonda na coletiva.

De quebra, votem no Professor Paulo Nogueira-Neto na categoria Nacional, ninguém hoje se lembra, mas todo o arcabouço jurídico de defesa da Natureza no Brasil começou com a insistência dele em botar ordem na área lá nos anos 70/80 quando ele foi Secretário nacional de meio ambiente. Ambos valem o voto: www.brasileiroimort al.com.br .

Ambos tb foram entrevistados por mim e pelo Jorge…quem duvidar de mim, pergunte ao Jorge, que assim como eu, ficou fâ dos velhinhos.

beijos
lele

--

Promovida, baleia jubarte não está mais sob ameaça

agosto 12, 2008

DA ASSOCIATED PRESS

A baleia jubarte está em “vias de recuperação” e não consta mais da lista de espécies ameaçadas de extinção, disse ontem a IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza).
A ONG, que é responsável pela lista anual de espécies com mais riscos de sumir do planeta, ainda promoveu a baleia franca. A espécie melhorou de posto e entrou para a categoria “vulnerável”.
Segundo Bill Perrin, técnico da IUCN, as jubartes haviam sido reduzidas a alguns milhares de exemplares antes de 1966, quando a pesca comercial da espécie passou a ser proibida.
Hoje, com um crescimento “saudável” de 5% ao ano no norte do Pacífico, as estimativas indicam que a comunidade tem 60 mil animais.
Segundo a IUCN, a proibição da pesca comercial é o que explica o aumento recente das duas populações.

Baleia Jubarte - Rarotonga

Baleia Jubarte - Rarotonga

Hoje li no blog do Remi Parmentier, um comentário interessante sobre o fato das baleias jubartes terem passado de vulneráveis para em vias de recuperação.

Ele comenta que embora os eforços de conservação tenham se mostrado eficiente, e histórias de sucesso, as populações de baleias, incluindo jubartes e francas estão longe de serem igual a população original. A estimativa inciial era de 1.5 milhôes e hoje em dia 40.000. E nem todos os estoques mostram os mesmo sinais animadores.

Ou seja essa vitória, de forma alguma mostra sinais de que a caça comercial deve ser retomada, e sim que se ela continuar proibida, outras espécies poderão mostrar sinais de recuperação.

Seguimos mantendo a moratória da caça e exigindo a criação do santuário de baleias do atlântico sul

Semana de SOL

agosto 11, 2008

Bom, a semana começa animadissima….

O sol começou a raiar depois de um final de semana de frio e chuva.

Espero, de dedos cruzados, que esse clima continue até o próximo sábado. Estarei esperando todos vocês para a realização da nossa grande onda. VISTA SUA CAMISETA AZUL!!!

beijos

lelê

A DATA DA ONDA MUDOU!!!

agosto 8, 2008

Para você que já estava na onda… a DATA MUDOU!

Parece que São Pedro não quer dar uma mão e ajudar a salvar os Oceanos.
Como a previsão para amanhã é ainda pior que hoje, estamos adiando a atividade  para o dia 16/08, sábado que vem.
O local e horário continuam os mesmos: Parque Villa Lobos, as 9:00 hs.

ESPERAMOS VOCÊS POR LÁ!!!

UM GRANDE ABRAÇO

LELÊ

Oportunidade perdida…

agosto 6, 2008

Saiu hoje no Estadão.com.br um artigo de João Lara Mesquita, que é jornalista, e autor do livro O Brasil Visto
do Mar Sem Fim, sobre a nova “idéia” do Presidente Lula em criar um MInistério da Pesca no lugar da Secretaria Especial de Aquicultura e Pesca.

Desde que foi anunciado a criação desse novo ministério e nosso Presidente afirmou que estava indignado que o Brasil pescava menos que o Peru, eu estou fazendo “campanha” para explicar a todos os ambientalistas, jornalistas e afins que diversidade não significa quantidade, apenas riqueza.

Mas hoje quando li o artigo do João Lara encontrei uma explicação muito mais clara e simples das pessoas entenderem:

“Outra coisa que aprendi é que nossos mares são pobres em biomassa pesqueira, porque cerca de 60% a 70% de nossa costa fica na zona tropical, de águas quentes, pobres em nutrientes. E peixes também têm de se alimentar.

O Peru é uma potência mundial na pesca porque em sua costa ocorre um fenômeno físico chamado “ressurgência”, de proporções gigantescas, um dos maiores no mundo. Ele se caracteriza pelo afloramento de águas profundas, geralmente ricas em nutrientes. O resultado é a alta produtividade pesqueira. Nada tem que ver com o “tamanho do país”, ou a “quantidade de seus habitantes”.

O senhor ainda disse que “milhares de toneladas de peixes são desperdiçados porque muitos só se interessam pelo camarão”. É verdade. O dado preciso, de acordo com a FAO, é que anualmente 20 milhões de toneladas de peixes são devolvidos ao mar, mortos.

Eles são o que os especialistas chamam de “fauna acompanhante”. Peixes que são puxados fora da água, pelas redes de arrasto, muitas delas de camarão, como o senhor falou. Esta modalidade é tão danosa ao ambiente marinho que já há países defendendo na ONU uma moratória. Mas, no Brasil, a pesca de arrasto é praticada até próximo da zona de arrebentação, colada às praias, o que é proibido. E o Ibama, a quem compete fiscalizar, não tem sequer um barco para atuar. Porque o senhor não libera recursos para que o órgão possa cumprir sua função. Caso tenha esquecido, deixe-me lembrá-lo: em 2006 o total das despesas do Ministério do Meio Ambiente (MMA) equivaleu a 0,13% do Orçamento da União para o mesmo período. Como fiscalizar nossa biodiversidade, continental e marítima, num país desta proporção, com uma marreca dessas?”

E por isso e por outras, o GREENPEACE estará lançando esse mês uma campanha em defesa dos oceanos. PROTEÇÂO DOS OCEANOS. ENTRE NESSA ONDA.

Se você também fica indignado com o descaso do nosso governo que visa apenas o desenvolvimento econômico, entre na onda com o Greenpeace.

Dia 9 de agosto, 9hs da matina, no Parque Villa Lobos. Basta vestir sua camiseta azul.

Nos vemos lá….