Arquivo para agosto 27, 2008

Se você esqueceu das baleias… nós não esquecemos!

agosto 27, 2008

Quando eu retornei do Chile, da reunião da Comissão Internacional da Baleia, contei a vocês todos os resultados e frustações (graças a Rosi e o Rafa Ventura nosso histórico já está neste blog!).

Enfim, como todos os governos aparentemente decidiram encontrar uma melhor forma para encaminhar a discussões na Comissão Internacional da Baleia. Para isso decidiram criar um grupo de trabalho e agendar 4 reuniões prévias a reunião anual da Comissão Internacional da Baleia.

A primeira reunião deste pequeno grupo de trabalho será de 15 a 16 na Flórida e serão discutidos lá 33 assuntos que foram levantados no Chile. Essa é uma reunião fechada a membros do governo, ou seja, ongs como nós não somos convidades, nem como obsevadores. Essa primeira reunião não pode ter nenhuma decisão, mas as demandas serão discutidas no encontro interseccional, provavelmente em fev/mar 2009.

Após o interseccional o grupo de trabalho será direcionado para resolver os desacordos da CIB e desenvolver um relatório final que será distribuído 5 semanas antes da próxima CIB na Ilha da Madeira.

São 25 países que estarão presentes no primeiro encontro do grupo de trabalho, incluindo o Brasil.

Estaremos acompanhando todo o desenrolar desta história… o que não podemos permitir é que o Santuário de Baleias do Atlântico Sul fique fora deste novo processo de encaminhamento.


		
Anúncios

Tata se preocupa mais com sua imagem do que sobrevivência de tartarugas

agosto 27, 2008
Ativistas do Greenpeace bloqueiam sede da Tata, na Índia, exigindo que a empresa demonstre responsabilidade ambiental. A Tata quer construir um porto numa região de procriação de tartarugas.

Ativistas do Greenpeace bloqueiam sede da Tata, na Índia, exigindo que a empresa demonstre responsabilidade ambiental. A Tata quer construir um porto numa região de procriação de tartarugas.

O Greenpeace Brasil decidiu apoiar a sensacional campanha do Greenpeace India contra a construção de um poto pelo grupo TATA. No mês de julho eu já havia escrito um post sobre isto. Mas agora surge a necessidade de um reforço.

Nossos ativistas bloquearam a sede da TATA… e o Sr. TATA foi a justiça para impedir protestos do Greenpeace contra a construção de um porto que ameaça santuário marinho. Ou seja, ela está preocupada mais com a imagem dela de multinacional ambientalmente correta, do que com os danos que está causando ao meio ambiente. Leia a notícia em nosso site.